Blog da Aegro sobre gestão no campo e tecnologias agrícolas

Custo de produção agrícola: o que considerar e como saber onde você está gastando mais na lavoura

Você sabe o custo de produção agrícola da sua última safra? E esse custo por talhão?

É claro que você tem ideia do quanto gasta e quanto recebe. Mas conhecer ao certo quanto é custo real de produção agrícola, ainda mais por safra e por talhão, não é todo mundo que sabe.

Nesse artigo vamos conversar sobre os custos de produção agrícola, por onde começar e como fazer. Confira a seguir:

Por que o custo de produção agrícola importa?

Esse conhecimento é essencial para ter certeza na venda do produto. Se eu não sei quanto gastei, como vou saber se tenho lucro?

Se o custo de produção agrícola não está completo, todas as estimativas e tomadas de decisões baseadas nisso ficam incorretas.

Também é muito importante para verificar como está a repartição de custos: onde estou gastando mais e onde não há investimentos. Isso te ajuda a saber como melhorar suas finanças.

Se você já tem alguma anotação em caderno, planilha ou seja lá o que for, tenho certeza que ao longo do texto você vai poder tirar as dúvidas que surgem no meio do caminho.

Caso você não saiba nem por onde começar, também não se preocupe, estou certa de que após ler esse artigo você saberá! Vamos lá:

Atividades realizadas e o custo de produção agrícola real

O custo de produção agrícola é o custo real de tudo o que você gastou para produzir.

Você já pode perceber que esse custo é intimamente ligado com as atividades realizadas.

Isso porque toda atividade de manejo tem custos: combustível da máquina, defensivos para atividade de aplicação; fertilizantes para atividade adubação; etc.

Por isso, é importante que o controle financeiro e operacional da sua fazenda sejam integrados.

Em um software de gestão rural como o Aegro, isso é possível.

Você começa cadastrando no sistema a compra de insumos e os gastos com seu patrimônio agrícola.

Depois, você registra cada atividade que realiza no campo, detalhando a quantidade de produto aplicada e o maquinário utilizado.

Registro de atividades no Aegro

Assim, as despesas são automaticamente associadas às atividades agrícolas e você descobre o custo de produção de cada talhão.

Como calcular o custo realizado?

Você pode anotar em qualquer lugar (software, caderno, planilha de Excel, etc.) todas as suas atividades relacionadas com a produção agrícola e colocar o que foi usado.

Mas fique atento às quantidades!

Na aplicação de defensivos, por exemplo, você precisa colocar o quanto de produto foi gasto, e não o quanto de volume de calda foi aplicada.

Isso porque o que você compra é apenas o produto. A água utilizada para fazer a calda também é um custo que entrará no seu controle pela conta de uso de água no final do mês.

Além disso, lembre-se de multiplicar a dose do produto por hectare pelo número de hectares existentes na área aplicada.

Ainda não sabe o tamanho das suas áreas ao certo?

Para calcular o custo de produção agrícola real isso é de fundamental importância.

No Aegro, você pode cadastrar suas áreas e ter um controle georreferenciado pelos mapas do software.

Áreas da propriedade rural no Aegro

Como guardar e acessar as informações do custo realizado?

Como eu disse, você pode anotar essas informações em qualquer lugar, mas nós sabemos que as atividades agrícolas de uma safra não são poucas.

Isso gera muitas folhas de caderno, muitas planilhas de Excel e, principalmente, muita confusão.

No Aegro, todas essas informações ficam simples e fáceis de serem visualizadas, pelo computador ou celular.

Isso permite que você tome uma decisão com segurança, com base em dados.

Uma vez que você registra as informações no Aegro, elas nunca mais se perdem. Ficam salvas na nuvem e você pode acessar de qualquer lugar e em qualquer momento.

O mesmo não acontece com uma folha de papel ou uma planilha de Excel, não é mesmo?!

Gestão operacional e financeira da fazenda com o aplicativo Aegro

Como saber onde estou gastando mais na minha lavoura?

Às vezes bate aquela dúvida: será que estou desperdiçando alguma coisa? Será que daria pra gastar menos?

Ao saber seu custo realizado você pode separá-lo por categorias que façam sentido. Por exemplo: sementes, fertilizantes, mão de obra, etc.

E, a partir do custo em cada categoria, você pode analisar o que poderia ser economizado e o que iria melhorar a produção se tivesse mais investimento.

Novamente, você pode fazer essas inúmeras somas e análises em qualquer lugar.

Mas no Aegro é mais fácil, seja por esse cálculo ser automatizado, seja pela visualização muito mais compreensiva:

Custo de produção agrícola no Aegro

Lembra que eu te falei sobre o detalhamento por talhões?

Pois bem, é por causa desse detalhamento por talhões que o Aegro possui que você poderá conferir sua rentabilidade por talhão.

Assim você não sabe só com o quê está gastando mais, mas também onde está ocorrendo isso. Consegue saber o que deu certo e o que não deu em cada pedaço da sua fazenda:

Importância da comparação do custo de produção orçado e realizado

Você agora já sabe que o custo de produção agrícola para ser real deve considerar tudo o que foi gasto.

Por isso, recomendo fortemente o planejamento das atividades que fazem esses gastos surgirem. Isso nos leva ao planejamento dos custos (custo orçado).

Não orçar os custos é o mesmo que ir para o supermercado sem a listinha de compras.

Comprar insumos de última hora é igual fazer supermercado no dia 24 de dezembro às 18h: confuso e você gasta muito mais do que deveria.

Ou seja, com o custo orçado você define o quanto e em que pode gastar, obtendo maior controle de suas finanças e economia.

Por isso, o planejamento vai te ajudar a manejar melhor a área e ter uma visão global do sistema. Além disso, evita desperdícios e faz uso mais consciente dos recursos, especialmente do dinheiro.

Mas e se além disso você conseguisse visualizar o quanto do custo orçado foi realmente realizado?

E se você pudesse acompanhar esse dado não só ao fim da safra mas também ao longo dela, de um jeito simples e fácil?

No Aegro isso é possível:

Custo agrícola orçado e realizado no Aegro

O que devo considerar para meu custo de produção agrícola?

Produção agrícola é complexa, extensa e envolve muitos fatores.

Para te ajudar, dividimos tudo o que você utiliza em categorias para que nada seja esquecido e não tenhamos erros.

Você pode usar isso para registrar seus custos em qualquer lugar.

A seguir, você confere as principais categorias a serem consideradas no custo de produção agrícola e artigos que vão te ajudar a saber mais sobre cada um deles:

Sementes

Para maior organização e controle você deve separar seus custos de sementes, colocando quais cultivares foram ou serão compradas.

Assim você sabe que, por exemplo, nos talhões x e y o custo de produção agrícola foi maior porque utilizou semente com mais tecnologia (como resistência a insetos e herbicidas).

Depois da colheita você pode ver se esse custo da tecnologia compensou.

Na mão ou em planilhas eletrônicas pode ser difícil ter todo esse detalhamento e controle, mas é por isso que existem softwares de gestão agrícola como Aegro.

Fertilizantes

Sempre sobra fertilizantes no seu estoque? Ou você sempre precisa correr na revenda para conseguir terminar de adubar toda sua área?

Com um bom planejamento e registros confiáveis isso pode ser resolvido facilmente.

No Aegro você sabe exatamente o que tem no estoque e qual fertilizante foi usado nos talhões.

Defensivos

Os defensivos são utilizados na atividade de aplicação. E assim, aplicação por aplicação, e sabendo sua área, você sabe quanto foi usado e qual foi o custo disso.

Máquinas

O custo de máquinas inclui os custos das máquinas não motorizadas (implementos agrícolas) e máquinas propriamente dito.

Assim, temos seguintes custos nessa categoria:

  • combustível;
  • insumos para máquinas (óleos, peças, reposições, etc.);
  • depreciação de máquinas;
  • manutenção de máquinas (aqui colocamos apenas o preço do serviço de manutenção).

Desse modo você pode saber, além do custo total com máquinas, onde foi gasto mais nesse quesito.

Por exemplo, se há muitos gastos em manutenção, isso indica o mau uso ou máquina (falta de regulagem adequada, etc.) ou que a máquina precisa ser trocada.

Dentro do Aegro todas essas informações são mais fáceis de registrar e visualizar.

Importante notar também que as contas, o abastecimento e a manutenção só vão para o custo da safra se você preferir ratear dentro dela.

Assim, você tem liberdade dentro do sistema.

Outros Custos de Produção Agrícola

Os outro custos incluem diversas despesas que são próprias da atividade e que você não pode se esquecer para chegar no custo de produção real.

Alguns exemplos de outros custos são:

  • custos com administração (escritório);
  • comercialização;
  • compra de animais;
  • depreciação de benfeitorias (galpão, silo, casa, construções da propriedade em geral);
  • encargos financeiros (impostos), etc.

Conclusão

O custo de produção agrícola é essencial para uma boa gestão e sucesso da sua fazenda.

Aqui você entendeu a importância do custo de produção agrícola, como calculá-lo, onde está gastando mais, como guardar essas informações e o que deve ser considerado.

Um software de gestão vai te ajudar nisso tudo, facilitando sua vida, fazendo com que os resultados apareçam pela eficiência.

Comece hoje mesmo testando o Aegro gratuitamente durante 7 dias na sua propriedade rural!

Gostou do texto? Como você calcula seu custo de produção agrícola hoje? Tem mais dicas? Adoraria ver seu comentário!

Curso gratuito:
Gestão Rural

Aprenda todos os pontos-chave para uma administração de propriedades rurais de maneira prática e objetiva.