Blog da Aegro sobre gestão no campo e tecnologias agrícolas

Planejamento estratégico da produção

Aumente sua rentabilidade com o planejamento estratégico da produção agrícola

- 5 de dezembro de 2018

Planejamento estratégico da produção agrícola: Veja como começar agora, além das principais dicas e orientações para garantir o aumento da sua rentabilidade.

Quem nunca ouviu alguém dizer que é melhor planejar antes de fazer?

O tempo utilizado no planejamento agrícola é essencial para o sucesso ou fracasso das atividades.

E com o preço das commodities oscilando conforme o mercado, o planejamento estratégico da produção é algo indispensável.

No planejamento estratégico podem ser definidas metas e como atingi-las para melhorar nossa rentabilidade.

Confira neste artigo como explorar os pontos fortes de cada atividade realizada na fazenda, e além disso, a aumentar a rentabilidade e competitividade da sua fazenda.

O que é planejamento estratégico da produção agrícola?

Afinal, o que é o planejamento estratégico da produção e como criamos um realmente bom para utilizar nas propriedades agrícolas?

O planejamento estratégico da produção agrícola nada mais é do que o desenvolvimento de estratégias, geralmente a médio e longo prazo, que servirão para aumentar a competitividade e o lucro.

planejamento estratégico da produção

(Fonte: Administradores.com)

No meio agrícola, o planejamento estratégico pode envolver a produção maior, ou de maior qualidade, ou mesmo com algum diferencial como não transgênicos.

Desse modo, estamos criando estratégias competitivas para melhorar nossa empresa rural.

Além disso, quando pensamos apenas em commodities devemos olhar formas de melhorar a eficiência na cadeia produtiva.

Na minha opinião, para garantir a competitividade desses produtos agrícolas, garantindo sua competitividade no setor, é preciso certo investimento em inovação e melhorias nos processos.

Eficiências gerenciais, eficiências de campo, maquinário, tempos ociosos, tudo deve estar na ponta do lápis, a fim de ser quantificado e otimizado.

A utilização de planilhas eletrônicas que possam medir e quantificar os processos é essencial para o correto dimensionamento das operações.

Hoje em dia, existem softwares de gestão que auxiliam os produtores na quantificação e geração de relatórios muito importantes para planejamentos futuros.

telas do Aegro

O principal objetivo do planejamento estratégico da produção é pensar no negócio agrícola como uma empresa e assim atingir seus objetivos.

Dessa forma, ele não deve ser pensado e implementado apenas pelo dono ou encarregado da propriedade, mas sim por todos que estão envolvidos de alguma maneira ou de outra,  na cadeia de produção.

Motivar as pessoas envolvidas na fazenda é fundamental

Pode parecer óbvio, mas é essencial para o correto planejamento estratégico o conhecimento das pessoas envolvidas no nosso negócio.

As pessoas são a chave para o sucesso produtivo e os ganhos em eficiência.

Afinal, quem cuida da lavoura, desde o tratamento de sementes até a colheita e armazenamento, são pessoas. E é o “capricho” e atenção delas que vão determinar a produção.

As pessoas envolvidas nos processos também possuem metas próprias que podem ser fonte de motivação para um trabalho mais dedicado e eficiente. Às vezes muitos proprietários se  esquecem de levar em consideração a mão de obra (capital humano).

3-planejamento-estratégico-da-produção

Assim  que as pessoas envolvidas são ouvidas, bem como seus objetivos e metas pessoais forem identificados, cabe a cada gestor pensar em metas a serem atingidas com as atividades realizadas na empresa.

Objetivos pessoais podem envolver a conclusão de um curso universitário; produtos mais seguros, orgânicos, passar mais tempo com a família, etc.

Se as metas da empresa agrícola não forem projetadas, levando em consideração os objetivos das pessoas envolvidas, elas deveriam passar por um processo de reavaliação.

Você pode saber mais sobre gestão de pessoas e administração rural neste artigo.

O planejamento estratégico da produção exige pensar “fora da porteira”

Focar  o pensamento nos processos que ocorrem apenas dentro da propriedade já não são mais suficientes.

4-planejamento-estratégico-da-produção

(Fonte: Silbeck)

O planejamento estratégico é o topo da pirâmide organizacional da gestão agrícola, e as pessoas envolvidas na realização dos planos e metas são os donos da fazenda, pessoas de confiança, etc.

Note que o planejamento estratégico da produção está no topo da pirâmide, ou seja, as pessoas nele envolvidas tomarão as decisões mais importantes da empresa agrícola.

No planejamento estão inseridos procedimentos de análise internos e externos que podem afetar a rentabilidade e o bom funcionamento do negócio.

A análise de mercado, direcionamento e posicionamento do produto em relação aos clientes finais também devem ser pensados durante o planejamento estratégico da produção.

Assim, você como produtor rural tem a função propor metas e tomar decisões que serão fundamentais para o sucesso do negócio. Algumas metas e análises são fundamentais, como:

  • Custos de produção (orçado e realizado);
  • Escolher o mercado que receberá o produto (interno ou exportação);
  • Forma que o produto será comercializado;
  • Momento em  que o produto será comercializado ou estocado;
  • Avaliar o que acontece ao nosso redor;
  • Tendências do setor;
  • Concorrentes ;
  • Economia;
  • Taxa de juros;
  • Nichos de mercado;
  • Programas governamentais;
  • Inflação;
  • Mercado futuro.
5-planejamento-estratégico-da-produção

Dessa forma, você deve avaliar os recursos financeiros e humanos para que os projetos estratégicos sejam realizados.

É importante ressaltar que atualmente o mercado ao redor da fazenda e dos produtos está cada dia mais dinâmico, exigindo que o produtor seja um líder na empresa rural.

Tenha em seu planejamento estratégico a diferenciação da sua empresa rural

A observação dos concorrentes e indústrias onde os nossos produtos estão inseridos pode ser um forte indicativo do que os consumidores finais estão procurando.

Uma simples diferenciação do produto e/ou da produção em relação ao nosso vizinho pode agregar valor ou eficiência na nossa cadeia produtiva.

É importante também uma estratégia para diversificar suas mercadorias e introduzir novos processos.

Você pode, por exemplo, introduzir a agricultura de precisão na fazenda, otimizando o uso de insumos.

Ter o planejamento e controle das atividades agrícolas, dos custos envolvidos na produção, bem como uma visão total do seu negócio de forma organizada também é outra maneira de melhorar a eficiência da fazenda.

6-planejamento-estratégico-da-produção

Com a criação de novos produtos e sistemas de produção diferenciados, não só a sustentabilidade, como também os padrões de qualidade tendem a melhorar.

A criação de selos de qualidade, cultura regional, boas práticas agrícolas e outros devem ser levados em conta na hora da diferenciação do produto.

Tais selos, boas práticas, sofisticações nas embalagens, projetos de contabilidade e afins, certamente, farão com que o preço final pago pelo seu produto seja maior. Com isso, a margem de lucro também aumentará.

Prever metas e realizar o planejamento estratégico para quantos anos?

Essa é uma questão muito importante a ser avaliada antes de realizar o planejamento estratégico.

Cada produtor ou propriedade terá que encontrar as suas respostas embasadas em alguns questionamentos a seguir:

  • A empresa rural existe há quanto tempo?
  • Existirá por mais 10 ou 30 anos?
  • Quais são minhas metas e objetivos como empresa?
  • Até onde quero chegar?
  • Como atingir essa meta?
  • Quero expandir ou manter o mesmo tamanho?
  • Como penso em crescer?
  • Existe demanda para minha produção?

Note que se o produtor for jovem ou possuir sucessão familiar, o planejamento da empresa deve ser longo. Recomendo uma estratégia mais agressiva de crescimento, fusão de novas propriedades, intensificação da produção, adoção de tecnologia etc.

Se o produtor pretende se aposentar, o planejamento pode ser em curto prazo, considerando até fechar a empresa agrícola.

Você pode ver mais a respeito neste artigo “O futuro da fazenda: Sucessão familiar em uma empresa rural”.

planejamento de safra de soja Aegro

Conclusão

O planejamento estratégico da produção agrícola não é uma coisa simples de ser realizada, porém se bem feito, certamente trará uma vantagem competitiva sustentável a longo prazo frente a seus concorrentes.

O planejamento estratégico da produção nos força a pensar “fora da porteira”, contudo deve sempre estar focado em metas e objetivos da propriedade.

Melhor que trabalhar baseando-se em achismos, o planejamento estratégico da produção permitirá que conheçamos a nossa realidade produtiva.

Antes de sair correndo e querer abraçar o mundo, é importante avaliar a situação da nossa propriedade agrícola, o cenário em que ela está inserida e assim decidir qual rumo tomar.

>>Leia mais: “Planilhas agrícolas x software: O que é melhor para sua fazenda

>> Leia mais: “6 passos para fazer o planejamento financeiro da sua fazenda com sucesso

Você já tinha ouvido falar em planejamento estratégico da produção agrícola? Quais estratégias você realiza ou realizou na hora do planejamento? Ficou alguma dúvida? Adoraria ver seu comentário abaixo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Banner de teste grátis do Aegro na cor verde com uma imagem no meio de uma máquina trabalhando no campo
  • Curso gratuito:
    Gestão Rural

    Aprenda todos os pontos-chave para uma administração de propriedades rurais de maneira prática e objetiva.