Blog da Aegro sobre gestão no campo e tecnologias agrícolas

Profundidade uniforme no plantio: entenda sua importância, os fatores que interferem no estabelecimento da lavoura e mais!

Plantio uniforme é quando as sementes são depositadas no solo com a mesma profundidade durante a semeadura.

Isto se reflete em vários aspectos da planta e da lavoura, como no estabelecimento da cultura e, consequentemente, na produtividade.

Essa afirmação parece óbvia para todos, porém, realizar o que é afirmado é bastante complexo.

Você faz o planejamento do seu plantio considerando os fatores que afetam a profundidade de semeadura? Confira o que é importante para tal operação a seguir!

Qual a importância de manter a profundidade uniforme no plantio?

As sementes utilizam inicialmente seu material de reserva para poder germinar e emergir.

Assim, a profundidade de semeadura influencia diretamente na germinação e emergência das plântulas.

A profundidade de semeadura ideal pode variar conforme a espécie, ou seja, soja, milho, feijão, trigo, aveia, entre outras plantas, têm sua regulagem de semeadura adequada.

Além da profundidade ideal, a uniformidade de plantio também é importante, pois está relacionada ao estande da lavoura.

Estandes desuniformes para algumas culturas como o milho apresentam grandes prejuízos, interferindo na produtividade.

Sobre esse assunto, se utiliza muito o termo plantabilidade, que segundo o professor Paulo Arbex é: “a capacidade de distribuir sementes no sulco de plantio de modo uniforme, com a máxima equidistância possível e na profundidade adequada, com o objetivo de atingir o estande desejado de plantas”.

Sabendo da importância da profundidade uniforme de plantio, efetuar a semeadura de soja de 3 cm a 5 cm e do milho de 3 cm a 7 cm é o recomendado para uma boa germinação e emergência de plântulas.

foto de emergência de plantas de milho em relação a profundidades diferentes de plantio

Emergência de plantas de milho em relação a profundidades diferentes de plantio 
(Fonte: Cooplantio)

Problemas da desuniformidade de plantio

Com a diferença de profundidade uniforme de plantio, o estabelecimento da cultura é afetado, refletindo na área plantada da lavoura.

Sementes muito profundas não irão germinar e emergir no tempo ideal, assim como sementes sobre a superfície do solo podem não germinar por não conseguirem absorver água suficiente, além de serem atacadas por insetos e pássaros.

Outro fator do plantio em profundidade irregular é a emergência desuniforme de plântulas, gerando competição por espaço, luz, nutriente e água.

Além de ocorrer competição entre as plantas da mesma espécie, sendo mais favorável para a plântula que emergiu primeiro, há competição com as plantas daninhas.

No caso das sementes que ficaram mais profundas, sua emergência é atrasada e haverá competição com as plantas daninhas que irão emergir após a semeadura.

Falhas no estande também podem ocorrer. Se a deposição da semente for muito profunda ou ficar sobre a superfície do solo, ela pode não gerar uma planta.

Esse fator afeta principalmente espécies como milho, que não conseguem compensar essa falha, reduzindo a produtividade da lavoura.

Espécies como a soja conseguem compensar a falta de uma planta aumentando a produção de vagens das plantas ao redor da falha.

Entretanto, mesmo a soja compensando algumas falhas, há redução da produtividade, podendo, com 75% de falha no estande, perder cerca de 400 kg/ha

Já para o milho, uma diferença de 5.000 espigas/ha reduz a produtividade em média de 16 sc/ha.

Compensação das plantas de soja com falhas no estande de 25%, 50% e 75% - profundidade uniforme no plantio

Compensação das plantas de soja com falhas no estande de 25%, 50% e 75%
(Fonte: adaptado de Cunha, 2018)

5 fatores que influenciam na profundidade de semeadura

É necessário considerar alguns pontos no momento da realização da semeadura.

Vários fatores interferem na profundidade uniforme do plantio. Conhecê-los e saber como influenciam no planejamento e execução do plantio é fundamental.

Veja abaixo os principais fatores que determinam a profundidade ideal de plantio.

1. Características da semente

Como vimos acima, a profundidade ideal depende da cultura que se irá semear.

Este fator pode ter relação com o tipo de germinação epígea (soja) e hipógea (milho).

Sementes epígeas podem ser mais prejudicadas pela maior profundidade de semeadura que as hipógeas.

Isso porque as sementes epígeas elevam seus cotilédones acima do solo no momento da emergência. Já na hipógea, o cotilédone fica dentro do solo e a parte aérea sai para a superfície.

Devido a esta diferença, as sementes de germinação hipógea (milho) suportariam maiores profundidades de semeadura.  

ilustração com exemplo de germinação epígea – soja (A) e hipógea - milho (B)

Exemplo de germinação epígea – soja (A) e hipógea – milho (B) 
(Fonte: UFVJM)

Vale lembrar que a qualidade da semente também tem grande fator, se utilizado a profundidade ideal, e a semente for de alto vigor, a germinação e emergência serão uniformes.

2. Tipo de solo

Se o solo for mais pesado, argiloso ou com drenagem deficiente, a profundidade recomendada é de 3 cm a 5 cm, soja e milho.

Em solos mais leves ou arenosos, a semeadura pode ser mais profunda, como 5 cm a 7 cm, devido à perda de umidade desses solos, no caso do milho.

Cada solo tem um tipo de característica. Você precisa conhecer seu solo para planejar corretamente a semeadura.

3. Umidade do solo

Como dito no tópico anterior, o tipo de solo tem relação direta com a perda de umidade do solo.

A profundidade de plantio ideal visa colocar a semente a uma distância da superfície do solo onde ela não fique exposta aos estresses climáticos e onde o solo apresenta um armazenamento de água adequado para que ela germine e emerja rapidamente, caso não ocorra veranico.

4. Tipo de sistema de plantio utilizado

A adoção do tipo de sistema tem que ser observado, se é convencional ou sistema de plantio direto (SPD).

No sistema convencional, como não há presença de palhada, a temperatura do solo é mais elevada e a umidade é menor em relação ao SPD.

Já no SPD, devido à presença de palhada, a emergência pode ser dificultada, pois se os discos de corte não fizerem corretamente sua função, as sementes serão depositadas sobre a palhada.

5. Regulagem da semeadora

Para realizar um bom plantio, a semeadora tem que ser bem regulada e, com isso, não pode deixar para trás as peças responsáveis pela profundidade. 

Nas semeadoras, os discos de corte de palhada no SPD devem ser regulados e, principalmente, fazer a função de cortar a palhada, para evitar perdas de sementes.

Os controladores de profundidade precisam ser ideais para seu solo, assim como as rodas compactadoras, que devem estar bem reguladas para fazer um bom fechamento de linha, entre outros componentes da máquina.

>> Leia mais: “Semeadora mecânica ou pneumática: qual é a melhor opção para a sua lavoura?”

O que fazer para obter uma profundidade uniforme no plantio?

Planejamento é fundamental em todos os processos de uma lavoura e, para a semeadura, que é o início de seus trabalhos em campo, todo cuidado é favorável.

É nesse momento que você colocará no campo sua semente e, mesmo que ela tenha alta qualidade, se a deposição no solo for mal regulada, você poderá ter perdas de estande, maior presença de plantas daninhas e perda de produtividade.

O ideal é que a distribuição das sementes no sulco de plantio tenha profundidade adequada, seja homogênea e com a mesma distância de deposição de uma semente para outra.

Por isso, faça sempre uma lista de coisas que é necessário observar antes do plantio. Alguns pontos devem ser considerados, como:

  • tipo e qualidade da semente;
  • tipo e condição do solo;
  • sistema de cultivo – convencional ou plantio direto;
  • distribuição e estado da palhada (verde ou seco);
  • clima – antes e após o plantio;
  • regulagem da semeadora;
  • velocidade de plantio.

Então, faça um bom planejamento! Cada área de sua fazenda pode necessitar de uma regulagem diferenciada devido à diferença de tipo de solo ou de pedregosidade.

checklist planejamento agrícola Aegro

Conclusão

Profundidade uniforme no plantio é algo importante a ser considerado no momento de semear.

Faça uma boa regulagem de sua semeadora, pois ela irá definir a uniformidade da profundidade escolhida.

Tenha sempre em mente os fatores listados acima, especialmente o tipo e as condições do solo, pois, se muito úmidos ou muito secos, podem ocorrer diferenças na deposição das sementes.

Lembre-se que um bom estande começa por uma boa qualidade de semente e também de uma profundidade uniforme de plantio!

Você já teve problemas de estande por não ter uma profundidade uniforme no plantio? Restou alguma dúvida? Deixe seu comentário abaixo!