Contabilidade de fazenda: planejamento tributário, gestão financeira e patrimonial, entre outros pontos importantes para organizar as finanças da sua propriedade rural.

Assim como a contabilidade da vida pessoal, a contabilidade da fazenda é algo vital para o sucesso no campo. Fazê-la permite conhecer a saúde financeira do negócio.

É por meio da contabilidade que se sabe o valor dos ativos, passivos, entradas e saídas da empresa rural.

Se você possui uma boa contabilidade agrícola, consegue visualizar a rentabilidade e lucratividade do negócio. Além disso, as tomadas de decisões se tornam mais assertivas.

Acompanhe neste artigo como fazer a contabilidade de fazenda de forma simples e produtiva.

Pontos de atenção na contabilidade de fazenda

Se o controle de estoque é uma coisa que te deixa nervoso, imagine desconhecer a contabilidade de toda a sua fazenda.

Muitos produtores limitam suas receitas por não terem uma contabilidade e gestão financeira apuradas na propriedade.

Uma vez que as atividades rurais estão sendo tratadas como verdadeiros negócios, a gestão financeira da fazenda deve ser realizada diariamente.

Desta forma, a contabilidade é uma boa forma de realizar o controle das contas da empresa rural.

Dentro do agronegócio existem dois fatores que podemos considerar essenciais para o sucesso e o crescimento das atividades de campo: 

  1. Tamanho das fazendas
  2. Capacidade de produzir

Muitos agricultores ainda não praticam a gestão e, principalmente, a contabilidade da fazenda. 

Isso acontece por falta de costume, de conhecimento técnico sobre o assunto ou até mesmo devido à desorganização presente “dentro da porteira”.

A contabilidade é necessária, uma vez que o sucesso no campo pode se dar por três motivos principais:

  1. Fluxo de caixa e capital para compra de novas áreas;
  2. Possibilidade de arrendar novas áreas;
  3. Aumento de produtividade nas áreas atuais.

Ganhos em produtividade vêm do investimento em manejo correto, tecnologia aplicada nas áreas, boas práticas agrícolas, etc.

Atualmente, é possível utilizar um aplicativo de gestão para fazer a contabilidade de fazenda, comentaremos sobre ele a seguir.

Três áreas da contabilidade de uma fazenda

A contabilidade da fazenda é fundamental para o bom funcionamento das propriedades rurais.

Sendo que a boa contabilidade permite que você conheça de maneira correta os custos da fazenda, além de auxiliar no cálculo correto de impostos e praticar corretamente a gestão das atividades.

Frente a isso, separamos três áreas para se atentar durante este processo: planejamento tributário, gestão financeira e gestão do patrimônio.

contabilidade de fazenda

Planejamento tributário

Falando em impostos, a contabilidade é essencial para que sejam realizados estudos e projeções dentro da sua fazenda que possibilitem a escolha do regime tributário mais adequado a cada cenário.

Quais os impactos disso sobre seus custos?

Os estudos tributários são, normalmente, realizados com base nas receitas e despesas da fazenda que só são conhecidas uma vez que a contabilidade do agronegócio esteja em dia.

Dessa maneira, pode-se escolher a melhor forma, desde que dentro da legislação, de pagar menos impostos. 

O enquadramento correto da atividade evita possíveis problemas com o recolhimento de tributos.

>> Leia Mais: Planejamento tributário de fazenda em 5 passos

Gestão financeira

Na gestão financeira, podem-se citar as despesas, receitas, vendas e o fluxo de caixa, os quais  detalharemos a seguir.

O fluxo de caixa da fazenda deve conter todas as movimentações financeiras, demonstrando saldos iniciais, aplicações em curto e longo prazo, despesas e receitas de cada mês.

É por meio do fluxo de caixa que você sabe a saúde financeira do negócio agrícola. E, com estes números em mãos, é possível checar quanto você tem para investimentos em necessidades futuras. 

Assim, o fluxo de caixa proporciona uma organização financeira da propriedade, contabilizando gastos e entradas de capital de forma detalhada, sendo muito útil em análises mais abrangentes quando cruzadas com relatórios de custos, despesas e receitas de cada período. 

>> Leia Mais:6 passos para fazer o planejamento financeiro da sua fazenda

Gestão do patrimônio

A gestão do patrimônio engloba a realização do levantamento de seus ativos e passivos dentro da fazenda.

Com isso, dentro da gestão se deve considerar o capital financeiro na sua conta, máquinas e implementos da propriedade, galpões, contas a pagar, contas a receber, o valor da terra em questão, entre outros patrimônios que você possa ter.

Após o levantamento desses dados de patrimônio é importante saber separar despesas pessoais de despesas da empresa agrícola.

Grande parte do fracasso das atividades agrícolas é proveniente da não separação entre contas pessoais e contas profissionais.

Separando contas e bens, você terá maior controle tanto do seu negócio quanto da sua vida pessoal.

>> Leia Mais: “Como gerenciar máquinas agrícolas

O que é ano agrícola?

A contabilidade rural se diferencia da contabilidade tradicional em alguns aspectos.

O ano agrícola geralmente inicia com o cultivo do solo e encerra com a colheita.

Diferentemente da contabilidade geral, na qual o exercício social equivale a um ano, de 1º de janeiro até 31 de dezembro, na contabilidade rural o exercício social corresponde ao ano agrícola, que é o período que abrange os processos de plantação, colheita e comercialização da safra.

O exercício social da atividade agrícola se encerra com o ano agrícola, que corresponde normalmente ao período de 12 meses, a partir do início do cultivo.

Isso ocorre porque a produção agrícola é sazonal. E se uma fazenda tiver mais que uma atividade rural, deve-se considerar aquela com maior representatividade financeira.

A grande diferença de uma contabilidade tradicional para uma rural é que as empresas possuem receita durante todo o ano, enquanto as fazendas só possuem receita no período da colheita.

Dessa forma, se o ano agrícola terminar em junho, o exercício social será encerrado em 31/07, devendo ser avaliados os resultados dos produtos agrícolas da empresa nesse período.

Como é feita a contabilidade rural?

A contabilidade rural deve ser iniciada medindo, controlando e registrando todos seus resultados e, com isso, buscando melhorias e otimizações em tempos e recursos.

Com análises de anos anteriores é possível criar metas futuras para investimentos e novas aquisições.

A simples implementação de um software para gestão pode ajudar a criar rotinas dentro das fazendas e melhorias nos processos operacionais.

Uma vez que temos todos os dados centralizados em relatórios fica bem mais simples o planejamento de objetivos, metas e planos de ação.

Tudo isso tem início no registro de entradas e saídas de dinheiro da fazenda.

Visto que já temos a noção das entradas e saídas de todos os custos envolvidos na nossa atividade agrícola, é possível definir pró-labores, capital de giro e ainda conhecer os resultados reais de sua fazenda.

Aplicativo Aegro para contabilidade da fazenda

A contabilidade rural pode ser realizada com o auxílio de um aplicativo de gestão agrícola como o Aegro

Desta forma, o controle do fluxo de caixa se torna mais automatizado. Você consegue vincular diferentes contas bancárias ao Aegro para ficar em dia com as parcelas a pagar e a receber. 

Além disso, a sua contabilidade fica integrada à área operacional da propriedade. No Aegro, cada compra de insumo é direcionada ao estoque e os gastos com abastecimento são vinculados ao seu maquinário.

Assim, você descobre o seu custo real de produção e analisa a viabilidade financeira das próximas safras.

O Aegro também oferece relatórios para que você avalie a rentabilidade da safra. É possível comparar os resultados de diferentes colheitas, cultivares e talhões a fim de entender quais são as estratégias de manejo mais lucrativas.

Por meio de indicadores, ainda é possível acompanhar a evolução patrimonial da fazenda para fazer investimentos mais assertivos no futuro.

Mas o Aegro não ajuda apenas na sua contabilidade rural. Ele é um sistema completo que acompanha o agricultor desde o planejamento da semeadura até venda do cultivo.

Estas são as principais funcionalidades do Aegro:

  • Gestão de patrimônio e de máquinas;
  • Operações agrícolas;
  • Gestão financeira e comercialização;
  • Livro caixa digital do produtor rural;
  • Monitoramento de pragas e doenças;
  • Cotação de seguros agrícolas; 
  • Integração com o Climatempo, para verificar as previsões em tempo real.
aegro

O aplicativo está disponível para computadores e dispositivos móveis

Teste você mesmo o sistema de gestão agrícola Aegro:

Além de possibilitar a realização de todos os processos que foram citados neste artigo, o aplicativo é armazenado em nuvem, propiciando segurança ao arquivamento dos seus dados.

Conclusão

Uma contabilidade bem feita auxilia na tomada de decisões futuras na propriedade. Uma vez que você conhece seu fluxo de caixa, fica simples planejar as futuras atividades da fazenda. 

Desta forma, uma opção para realização da contabilidade de fazenda é com um auxílio de um software agrícola.

Os benefícios de uma contabilidade bem feita são muitos. Desde a administração das terras de maneira otimizada, gestão dos custos de produção e criação de metas futuras passíveis de serem atingidas.

Cabe a cada produtor escolher se realiza a contabilidade da propriedade em um aplicativo agrícola, planilha de Excel ou terceirizar esse tipo de serviço.

O que não podemos é deixar de registrar o que ocorre na fazenda diariamente e não ter dados e relatórios para a busca constante de melhorias. 

Como você realiza a sua contabilidade de fazenda? Sabia que existem softwares dedicados a isso? Restou alguma dúvida? Adoraria ver seu comentário abaixo!