Como é feita a colheita de soja: saiba qual é o ponto ideal e as principais orientações para garantir boa produtividade e rentabilidade.

Atualmente o produtor tem se preocupado muito com o manejo fitossanitário da soja, combatendo pragas, doenças e plantas daninhas resistentes a pesticidas. 

Porém, um momento de extrema importância e que exige muito planejamento é a colheita dos grãos.

Desde a revisão e planejamento logístico de seus maquinários até o acompanhamento do clima e fenologia da soja, para colheita no ponto ideal. 

Por isso, vale a pena se preparar e saber mais sobre como é a feita a colheita de soja de maneira eficiente e melhor. Confira a seguir!

Quando realizar a colheita de soja

Durante todo o ciclo da produção de soja, inúmeros cuidados são essenciais para alcançar altas produtividades.

Contudo, um dos momentos mais delicados do cultivo é o processo de colheita.

Caso não seja realizada no momento adequado poderá refletir em menor produtividade.

Por isso, é fundamental que as operações de colheita sejam planejadas com antecedência, evitando que os grãos fiquem expostos às condições climáticas.

Na prática, é recomendável que a colheita seja realizada logo que possível após a maturidade fisiológica da soja, ou seja, quando o transporte de nutrientes para o grão cessa e ela chega ao acúmulo máximo de matéria seca, com as melhores condições fisiológicas. 

Porém, neste período a soja se encontra com alta umidade e presença de ramos e folhas verdes, o que impossibilita a colheita mecanizada. 

Dessa forma, realiza-se o manejo de dessecação, quando necessário, para diminuir o período em que os grãos ficam no campo expostos a condições climáticas adversas, pragas e doenças. 

Assim, o produtor deve realizar a aplicação do dessecante no estádio R7 da cultura logo após o ponto de maturidade fisiológica, quando pelo menos uma vagem está com coloração madura na haste principal.

Para você identificar no campo a melhor época de aplicação, é simples!

Observe o momento em que a soja possuir em torno de 70% de suas vagens com coloração amarronzada ou bronzeada, no estádio R7.

fenologia da soja. Fonte: Coopertradição

Ciclo da cultura da soja
(Fonte: Coopertradição)

Veja mais sobre como fazer um manejo eficiente de herbicidas para soja, mesmo em casos difíceis, e evite problemas em sua área plantada, no artigo: “Herbicidas para soja: manejo certeiro sem prejudicar a lavoura”.

Baixe aqui uma planilha gratuita e estime sua produtividade de soja!

Qual o tempo entre o plantio e a colheita da soja?

O tempo entre o plantio e a colheita pode variar de acordo com a região e a cultivar utilizada. 

As cultivares plantadas comercialmente no Brasil têm ciclos em torno de 60 a 120 dias e, de acordo com as características da região, o produtor pode selecionar uma variedade mais tardia ou precoce para ter as melhores condições climáticas em seu ciclo.   

Além da escolha da cultivar, é importante que o produtor rural consulte o zoneamento agrícola da soja e plante na época certa para que ocorram chuvas nos momentos ideais da cultura (como florescimento e início do enchimento de grãos). 

Após o ponto de maturidade fisiológica dos grãos, considera-se que os mesmos já estão sendo armazenados no campo.

Desta forma, se ocorrerem muitas chuvas após esse período os grãos podem mofar ou brotar dentro das vagens – o que diminui consideravelmente seu preço de mercado.  

Então, um dos primeiros passos para ter uma boa colheita de soja é plantar no tempo certo. Para te auxiliar nisso, confira o Zarc, aplicativo da Embrapa desenvolvido para que o produtor acesse de forma rápida o Zoneamento Agrícola de Risco Climático. 

como é feita a colheita de soja

(Fonte: Dinheiro Rural)

Como é feita a colheita de soja: Umidade e Ponto Ideal

A colheita de soja deve ser realizada assim que possível, após os grãos atingirem a maturação fisiológica.

Na prática, a colheita deve ocorrer quando os grãos de soja atingirem teor de água que possibilite a colheita mecânica.

Quando a colheita é realizada fora da faixa do teor de umidade ideal, pode ocorrer perdas na rentabilidade do produtor, devido aos danos mecânicos.

Por isso, o planejamento dessa etapa é fundamental!

Estudos realizados por pesquisadores da Embrapa Soja, indicam que a colheita realizada antecipadamente, com 18% de umidade, proporciona maiores danos nos grãos.

Atualmente, a umidade recomendada para colheita pode variar entre 13% a 15%.

O indicado é que você monitore a umidade de seus grãos nos dias que antecedem a data prevista para colheita, pois as condições climáticas influenciam diretamente nisso.

Monitorando a umidade dos grãos durante a colheita, você também evitará perdas na colheita.

Se logo após a colheita você deseja armazenar sua soja, fique atento aos processos de secagem e condições de armazenamento.

E não se esqueça de verificar qual a umidade dos grãos antes da entrada na unidade armazenadora.

A alta umidade pode lhe trazer problemas futuros, por isso tenha atenção!

Passo a passo necessário para uma colheita eficiente

1º Passo: Planejamento

Planeje seu plantio, para colher no momento certo. Planejando o plantio e a colheita, você evita que as plantas fiquem no campo por um longo período.

2º Passo: Manejo Fitossanitário

Faça uma bom preparo do solo e manejo fitossanitário de pragas, doenças e plantas daninhas.

3º Passo: Maturação

Acompanhe o processo de maturação da sua soja.

4º Passo: Manejo de Dessecação

Faça um bom manejo de dessecação no estádio ideal, utilizando boa tecnologia de aplicação. 

Estima-se que a realização da dessecação para colheita de soja fora do estádio recomendado pode ocasionar perdas de até 12 sacas ha-1.

5º Passo: Revisão

Revise as máquinas que serão utilizadas na colheita como colhedoras, bazucas, tratores e caminhões. Evite surpresas no meio da processo!

6º Passo: Velocidade

Mantenha uma velocidade de colheita constante. Altas velocidades resultam em prejuízo.

7º Passo: Umidade

Acompanhe a umidade dos grãos e a previsão do tempo para iniciar e terminar sua colheita com as melhores condições possíveis. 

8º Passo: Transporte e Armazenamento

Planeje como será feito o escoamento e armazenamento de seus grãos. Acompanhar as tendências de mercado pode ajudar neste processo.

Estima-se que em apenas uma safra o Brasil perde aproximadamente 1,076 milhão de toneladas de soja devido a falhas no transporte. Por isso, o transporte e armazenamento dos grãos devem ser planejados e feitos com muito cuidado. 

como é feita a colheita de soja

(Fonte: Dinheiro Rural)

9º Passo: Relatório 

Anote todos os problemas que ocorreram durante a colheita para evitá-los no próximo ano. 

Além disso, tenha em mãos todas as informações sobre a safra atual e as passadas, com ajuda de um software como o Aegro, isso facilitará qualquer tomada de decisão.

colheita-indicadores-aegro

Exemplo da gestão da colheita pelo Aegro: dados seguros e acompanhamento da operação em alguns cliques

10º Passo: Resultados

Colha os seus grãos! Faça os cálculos de lucratividade e planeje o futuro do sua empresa rural.

Veja mais neste artigo:Planejamento rural eficiente: maximize sua produtividade e aumente seu lucro”.

Colheita da soja no Mato Grosso

Colheita da soja no Mato Grosso
(Fonte: RD News)

Conclusão

Realizar o planejamento da colheita é necessário e fundamental para a qualidade do grão.

Por isso, neste artigo vimos o que devemos saber para colher a soja no momento ideal, assim como realizar um bom manejo de dessecação.

Também vimos a importância de colher com a umidade ideal e de evitar chuvas nesse período. 

Além disso, citamos 10 passos de como se planejar para não ter surpresas desagradáveis e fazer uma colheita eficiente. 

Como é feita a colheita de soja em sua lavoura? Já teve algum problema? Adoraria ver seu comentário abaixo!