Blog da Aegro sobre gestão no campo e tecnologias agrícolas

Plantação de soja e sua dessecação: Qual o melhor momento para fazê-la, os principais herbicidas e outras dicas para conseguir uma colheita ainda melhor.

Dessecar uma plantação de soja para colheita é uma unanimidade entre os sojicultores.

Mesmo assim, sempre divide opiniões entre pesquisadores e até mesmo os produtores brasileiros se o processo como um todo é viável.

Alguns dizem que a maturação “forçada” da soja pode comprometer no ganho de produtividade final.

Diante de tantas especulações, reuni neste texto o que deve ou não ser feito para que a dessecação apenas acrescente ao bolso do produtor. Confira!

Por que devo dessecar uma plantação de soja?

Levando ao pé da letra, dessecar é um processo que consiste na secagem rápida e extrema de uma planta. Com isso, tiramos toda sua umidade (água) de forma que ela fique completamente seca.

A propriedade rural hoje é vista como uma empresa produtora completa de proteína vegetal e animal.

Logo, se faz necessário que adotemos técnicas, como a dessecação, e meios que permitam agilizar todo o processo de produção de soja para que uma nova safra se inicie.

plantação de soja      Os dois maiores produtores de soja mundiais, Brasil e Estados Unidos, reduziram a estimativa de produção total em relação ao esperado no começo da safra devido a fatores climáticos. Realizar uma boa dessecação pode ajudar a na redução de perdas na colheita e, consequentemente, produtividade.
(Fonte: Foto de Tarso Veloso/ARC em Globo Rural)

Além disso, houve a entrada de cultivares de soja cada vez mais precoces e produtivas para que os produtores pudessem antecipar ao máximo o plantio do milho safrinha.

Toda essa pressa tem nome: janela de plantio.

A janela de plantio é o intervalo respeitado pelos produtores rurais que define qual o período adequado de semeadura conforme a região, devido especialmente a radiação solar, temperaturas e incidência de chuvas.

Fora desse intervalo a plantação de soja não encontrará as melhores condições, portanto, pode afetar diretamente na produtividade de soja.

Objetivos da dessecação da plantação de soja

A dessecação de soja para colheita é usada de forma frequente nos últimos anos. Essa prática possui três benefícios fundamentais para os produtores:

2-plantação-de-soja
(Fonte: Syngenta)

1. Antecipação da colheita

Realizar a semeadura nos primeiros dias da janela de plantio é uma das formas de reduzir os riscos climáticos que são típicos de cada região, sejam eles geadas ou veranicos.

Além disso, a dessecação permite antecipar a colheita da soja, sendo essencial em regiões com possibilidade de realizar a segunda safra, principalmente com a cultura do milho.

Ocorre aqui uma relação que é diretamente proporcional: Se eu respeito minha janela de plantio, eu desseco minha área, antecipo minha colheita e inicio o plantio da safrinha.

A antecipação da colheita pode variar de 3 a 7 dias, dependendo de:

a) Momento da dessecação (umidade do grão);
b) Produto utilizado;
c) Condições climáticas após a dessecação.

2. Uniformidade da plantação de soja

A uniformidade da maturação dos grãos é um fator muito importante, pois permite maior rendimento operacional da colhedora.

Isso reduz os problemas de plantas com haste verde e retenção foliar, o que faz com que a máquina embuche menos, diminuindo de forma expressiva a perda de grãos e menor índice de impurezas.

3. Controle de infestação de plantas daninhas

Com a dessecação é realizado o controle de invasoras que não foram manejadas corretamente no início do cultivo, facilitando assim a colheita.

Qual o momento certo de dessecar a soja?

O momento exato para a dessecação é considerado o ponto mais crítico dessa prática.

Quando a soja completa a sua maturação fisiológica se dá o maior acúmulo de matéria seca, e a partir daí a cultura só perde água.

Isto ocorre a partir do estádio R6.5, onde já não se tem perdas no rendimento.

O mais recomendável é que se faça a dessecação entre os estádios R6.5 e R7.

Utiliza-se normalmente o estádio R7, por ser de mais fácil visualização a campo (folhas mais amareladas).

3-plantação-de-soja
(Fonte: Baseado Pedersen (2007), criado por Erin W. Hodgson (2010) publicado em Hodgson (2012))

VE: Cotilédones emergidos
VC: Folhas unifolioladas expandidas (bordas são se tocam)
V1: 1° folha trifoliolada expandida
R1: 1ª Flor aberta em qualquer nó
R2: Flor aberta no primeiro ou segundo nó do ramo principal
R3: Vagens com 5 mm nos 4 primeiros nós
R4: Vagens com 2 cm nos 4 primeiros nós
R5: Grãos com 3 mm em um dos 4 primeiros nós
R6: Grão verde que preenche a capacidade da vagem em um dos 4 primeiros nós
R7: Uma vagem do ramo principal atingiu a cor de vagem madura
R8: 95% das vagens atingiram a cor de vagem madura

O método usado para conhecer o momento ideal para fazer a dessecação numa área de soja com certeza é uma das principais preocupações do produtor rural.

Por isso, listei algumas dicas que você deve levar em consideração para fazer uma dessecação segura e eficaz:

Dica 1

Os grãos de soja precisam estar com no máximo 58% de umidade. Recolha uma amostra dos grãos que retirou das vagens e faça um teste simples de umidade.

Dica 2

4-plantação-de-soja

Folhas e vagens devem estar mudando da coloração verde intenso para verde claro a amarelo.
(Fonte: DuPont Pioneer)

Dica 3

Grãos passando de aspecto esbranquiçado para aspecto brilhoso (Lado A).

Dica 4

Quando, ao abrir a vagem, os grãos estiverem desligados um do outro (não presos por fibras, “desmamados”) (Lado B).

5-plantação-de-soja
(Foto: Adaptado pela autora de Edson e Paulo em Informações agronômicas)

Dica 5

Pelo menos uma vagem sadia sobre a haste principal que tenha atingido a cor de vagem madura, normalmente amarronzada ou bronzeada.

6-plantação-de-soja

(Foto: Edson e Paulo em Informações agronômicas)

Na agricultura essa secagem é feita com a ajuda de produtos dessecantes, facilmente encontrados em estabelecimentos credenciados para esse tipo de venda.

Nesse momento é necessário muita atenção em que dessecante usar, veja só:

Principais herbicidas para uma dessecação eficiente na pré-colheita

A dessecação pré-colheita da soja é feita com uso de herbicida que quando aplicado na soja causa o mesmo efeito em plantas daninhas: ele seca rapidamente a planta.

Automaticamente as folhas caem e com pouca água em seu interior está feito o trabalho.

O ganho com a dessecação na antecipação da colheita pode variar de 3 a 7 dias, isto depende muito de vários fatores, entre eles:

  • A umidade que o grão apresenta no momento da dessecação;
  • A qualidade do produto utilizado;
  • Condições climáticas após a dessecação.

Para obter os resultados esperados, o agricultor deve sempre respeitar o período de carência dos dessecantes.

Aqui está um complicado nos herbicidas mais usuais na dessecação de soja hoje:

Gramoxone + Agral

  • Dose: 1,0 a 1,5 l/ha + 0,1% v.v.
  • Volume de calda: 150 a 200 l/ha
  • Utilização: dessecação para antecipação de colheita ou lavoura com infestação mista predominante de gramíneas
  • Carência: pelo menos 7 dias.

Reglone + Agral

  • Dose: 1,0 a 2,0 l/ha + 0,1% v.v.
  • Volume de calda: 150 a 200 l/ha
  • Utilização: dessecação para antecipação de colheita ou lavoura com infestação mista predominante de folhas largas
  • Carência: pelo menos 7 dias

Gramoxone + Reglone (+ Agral)

  • Dose: 0,75 a 1,0 l/ha de cada produto (+ 0,1% v.v.)
  • Volume de calda: 150 a 200 l/ha
  •  Utilização: dessecação para antecipação de colheita ou lavoura com infestação mista de gramíneas e folhas largas
  • Carência: pelo menos 7 dias

Ação desses produtos é aquela de contato, ou seja, não translocam (caminham) pela planta.

Por isso, a absorção deles são em 30 minutos, fazendo com que chuvas após a aplicação não interferem na sua ação, além de que não possuem efeito residual.

Se atente para o uso desses defensivos agrícolas que deve ser orientado por um engenheiro(a) agrônomo(a).

Outros benefícios da dessecação bem feita na plantação de soja

Nós já falamos aqui sobre os principais objetivos da dessecação, mas além da uniformidade, antecipação da colheita e eliminação de plantas daninhas temos outros benefícios com essa prática:

  • Venda antecipada, obtendo melhor preço;
  • Capital de giro para aquisição de adubos, sementes e outros insumos;
  • Plantio da cultura subseqüente no limpo;
  • Aproveitamento da maior umidade do solo para a safra seguinte;
  • Melhor resultado na safrinha;
  • Transporte de grãos de soja sem impurezas;
  • Redução de perdas na colheita, como impurezas, proporcionando grãos mais limpos;
  • Melhor qualidade dos grãos colhidos.

7-plantação-de-soja
(Fonte: Foto Anderson Viegas em G1 e Ponta Porã Informa)

Desafios com a dessecação

Pode-se perceber as diversas vantagens de utilizar a dessecação na cultura da soja, no entanto, o produtor precisa ficar atento ao momento correto de se realizar a aplicação do herbicida.

Caso a colheita, após a dessecação demore, o produtor pode ter surpresas desagradáveis como:

  • Perdas com abertura de vagens;
  • Maior incidência de grãos “ardidos”;
  • Germinação da soja na própria planta, dentro da vagem, caso ocorra excesso de umidade na lavoura por período prolongado;
  • Perda de qualidade das sementes de soja.

Além disso, se ocorrerem dias chuvosos após a dessecação, pode não haver grande antecipação da colheita.

Entretanto, após a chuva cessar, a perda de umidade é mais rápida na área dessecada.

A velocidade de secagem das plantas de soja vai depender do produto que você usar, da dosagem e, principalmente, das condições climáticas.

A sua colheita ainda pode ser feita sem a dessecação da plantação de soja


A colheita também pode ser feita sem dessecação, mas o produtor deve levar em conta os benefícios da prática, aliado às informações de previsão de tempo.

Assim é necessário que você avalie os riscos envolvidos antes da tomada de decisões.

Por isso, sempre é interessante ter um bom planejamento agrícola, prevendo todas essas condições antes mesmo do plantio da soja.

Respeite o momento certo de aplicação do dessecante, que é fundamental, pois evita perdas no rendimento da cultura, caso seja feito antes do tempo correto, que é a maturação fisiológica das plantas.

Se você fizer a dessecação antes desse ponto, a soja perde massa dos grãos.

A partir desse ponto recomendado, a planta já finalizou o transporte de nutrientes para os grãos e já atingiu o pico de matéria seca e está apenas perdendo água.

É importante também que os produtores de soja que adotam a dessecação da soja sigam as orientações agronômicas de um profissional.

Conclusão

Conhecida por antecipar a colheita, a dessecação em soja sem dúvidas é uma prática que se usada corretamente proporciona somente ganhos ao produtor.

Além disso, a colheita cedo se traduz em melhor plantio de safrinha, uniformiza sua lavoura e pode proporcionar uma colheita mais eficiente.

Aqui vimos as principais orientações para que essa dessecação seja a melhor possível, mas lembre-se que existe a opção sem dessecação para safras chuvosas no período de colheita e a depender de sua estratégia de venda.

Considere todos os benefícios e riscos, tome sua decisão consciente e boa colheita!

>> Leia mais:

Manual rápido de como fazer a adubação de soja
Armazenagem de grãos: o que você precisa saber sobre silos”

Semeadura da soja no pó: quando vale a pena arriscar?

A dessecação da plantação de soja é comum na sua região? Como costuma fazer? Restou alguma dúvida? Deixe seu comentário abaixo!